23 de fev de 2012

Direto do ♥: A outra metade da laranja [Duda Almeida]

Tumblr_lu8zvyqei41qfvurno1_500_large

O amor é realmente lindo. Deitar a cabeça no travesseiro e ter em quem pensar antes de adormecer, é     confortante. Poder amar alguém e sorrir ao lembrar-se do sorriso tímido deste alguém é mágico. 
Conseguir amar é maravilhoso, mas também é uma tarefa difícil. Achar a pessoa considerada certa até que a verdadeira apareça é cansativo. Esperar a famosa metade da laranja pode muito bem se tornar uma tarefa entediante.

Às vezes a melhor opção é ficar sozinha. Ficar sozinha e rever todas as prioridades, pensar melhor e ver se além de querer ter alguém, estamos realmente preparadas para isso. Ter alguém ao nosso lado, não é apenas chamar de amor e dar apelidos fofos e enjoativos. Algumas pessoas ainda não aprenderam o real significado desta palavra.
Ter alguém não é apenas poder desfilar pelas ruas de mãos dadas, se quer desfilar vire modelo. Se não quer passear sozinha, compre um cachorro e o leve para dar um volta no quarteirão. 

Antes de amar outra pessoa, devemos aprender a nos amar. Essa história de seguir a procura da metade da laranja, ou qualquer fruta que for, é apenas mais uma historinha contada para nos fazer dormir. Agora vamos combinar, todas nós já estamos grandinhas demais para precisar de história de amor para pegar no sono, não é mesmo?

Aprendi na prática que não somos incompletos. Não precisamos achar nenhuma metade, para nos tornarmos completos. Se mesmo assim, alguém ainda precise achar a outra metade da laranja, olhe-se no espelho,  e sorria pois a imagem refletida é sua outra metade.


Nome: Duda Almeida
Blog: cartasp-voce.blogspot.com
Twitter: twitter.com/Dudaalmeidad
Biografia: Sou gaúcha,meu nome é Eduarda e odeio que me chamem de Dudinha, por isso é melhor optar por Duda. Sou escorpiana, teimosa, e um pouco possessiva. Egoísta, ás vezes. Quando eu sorrio, meus olhos ficam miudinhos, estilo japonesa sabe? Quando acordo, me dou bom-dia. Sim, eu falo sozinha, e adoro os conselhos que me dou. Mudo a cada dia, e se quiser me acompanhar é só ler o Cartas pra Você.

Quer ter seu texto publicado aqui também? É fácil, clique aqui e saiba como ;)

0 comentários:

Postar um comentário

Só comente quando saber pelo menos 10% do post e escolha a opção "Nome/URL". Ah e não aceito selos/tags e nem parceria. Obrigada pela visita.