13 de ago de 2012

Sobre romances em livros

Tumblr_m8kktfp8pn1rbrmido1_500_large
Sou uma pessoa super racional e isso é fato. Não faço o tipo sentimental que vive se emocionando em histórias de amor e tal... (se bem que ultimamente estou mudando e chorando com cenas tristes de séries americanas, mas isso é assunto pra outro post, ok?). Nunca me interessei por histórias de amor em livros, se você checar meu histórico de leitura, vai ver que eu só leio livros de aventura, como Harry Potter, Percy Jackson & Os Olimpianos, etc. Então deduzi há alguns dias que não importa a qualidade da história ou quão consagrada ela seja, se for de romance, eu não gosto.

Deduzi isso quando decidi ler O Morro dos Ventos Uivantes de Emily Brontë, é uma história realmente boa, aquele tipo de história ícone, consagrada, que as pessoas usam como referência, do tipo "Não tão boa quanto O Morro dos Ventos Uivantes...". Pois bem, pedi opiniões, não parei de falar sobre ele no twitter (aliás, quem me segue no twitter tem que aguentar o quanto eu falo sobre algo quando quero ter) e enfim, pedi de aniversário prum amigo (falaê amigo se tiver lendo esse post!). Ok, ganhei o livro, o abri com tanto carinho e comecei a ler. Só posso dizer uma coisa, odiei. Sério, achei um saco e super entediante. Parei no capítulo três e o abandonei, a linguagem é muito difícil e a história é lenta. Mas calma fãs do livro, eu não tô dizendo que ele é uma merda - pelo contrário -, como eu disse antes, é uma história consagrada, só não é o tipo de narração que me atrai.

Concluí que o tipo de história para mim é aquele frio, direto e calculista. Ok, estou exagerando, é legal ter um casalzinho pra torcer, como por exemplo Rony e Hermione em Harry Potter, mas esse tipo de história em que os protagonistas se amam incondicionalmente e recitam palavras bonitas? Não curto nem um pouco. Talvez seja porque nunca tive uma experiência do tipo. Ou talvez seja somente porque acho entediante mesmo a ponto de preferir ler um diário de um psicopata.

Enfim, espero que esse meu coração de pedra amoleça e que eu não viva o resto da minha vida sozinha sem ninguém especial para dizer um "eu te amo" (tá vendo, tô começando a me entediar). E sinceramente, acho que já está começando a amolecer por causa das séries americanas, mas como eu disse antes, isso é assunto pra outro post.

10 comentários:

Vitória disse...

Bom, você é única, Manu. Eu gosto de livros de romance(tá, tipo, eu adoro livros de romance), mas também gosto de livros do tipo Percy Jackson & Os Olimpianos(tá, tipo, eu adoro Percy Jackson & Os Olimpianos). Enfim, uma coisa eu posso te dizer: o fato de não ter nenhuma experiência do tipo ainda não me afetou, hahá.
Beijos
http://menina-do-sol.blogspot.com.br/

Jamille Lemos disse...

eu crto livros de romance ,mais ne tanto... eu sou do tipo de vive a realidade e não contos ,n sou do tipo q tem a sindrome da cinderela.. mas é legal pra qm gosta mesmo...
adorei o blogggg

http://loucapornada.blogspot.com/

Julie Duarte disse...

Eu curto histórias de romance quando não são tão ilusórias. Digo... quando se aproximam a realidade. Ficar suspirando por coisas que nunca vão acontecer não é comigo.

Chessie disse...

Eu gosto de histórias mais realistas. Odeio aquelas clichês. Eu acho que tem que ser 'isso' e pronto.

Beijos!
Pós Florescer.

Laís de Medeiros disse...

Eu também não sou muito fã de livros românticos. Não chego a odiá-los totalmente. Tem um ou outro que eu leio, mas por pena - sim tenho pena de livros haha.
O que eu to gostando mesmo é de suspenses médicos. geralmente os livros trazem um monte de informações sobre a profissão, a linguagem é culta, objetiva e direta - sem sentimentalismos - e os casais ficam para segundo plano. :)
Xiricutico.blogspot.com

Jeniffer Yara disse...

Eu sempre fui uma romântica veterana, desde quando me entendo por gente vivo suspirando com romances em filmes, séries e agora, livros. rs Já tinha percebido que você não se interessa mesmo muito por romances, pelos comentários nas resenhas de livros com romance lá no blog. Te entendo e entendo perfeitamente não ter gostado de O morro dos ventos uivantes, esse livro além de ser uma literatura rebuscada, tem um romance ou que você ama ou odeia, é um livro assim e você que não se interessa por romances claro que não iria gostar da estória. Mas lhe digo, O morro dos ventos uivantes traz um romance completamente diferente do que vemos por aí, se algum dia a curiosidade for maior, leia até o fim ;}

Beijos
Meu outro lado

Paola Groisman disse...

Eu odeio livros românticos. Não tem graça nenhuma! Bom, deve depender do livro também, mas não sei, é chato.

Stella Valim disse...

É nois, eu odeio livros românticos. O ultimo que eu li é assim, e eu demoro um séeeeeculo pra ler. Eu já li esse, o morro dos ventos uivantes, o romance dele me atraiu por ser diferente e tal, e eu li até o final por pura marra, a fala dele é realmente dificil e é super meloso, mas, digamos que como a história termina é legalzinho. Enfim .-. Também prefiro muito mais Harry Potter, ou Percy Jackson do que esses livros e tal .-.
http://www.senhoritaliberdade.com

Jessica Belle disse...

Ah eu amo livros romanticos, mas realmente pra fugir da realidade porque essas coisas nunca aconteceram comigo e eu duvido que um dia aconteçam.

Luara Q. disse...

Gosto da tua escrita ((:

Postar um comentário

Só comente quando saber pelo menos 10% do post e escolha a opção "Nome/URL". Ah e não aceito selos/tags e nem parceria. Obrigada pela visita.